fbpx

Dicas de filmes para comemorar o Dia do Cinema Brasileiro

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Luz, câmera e celebração!

Hoje, 19 de Junho, comemoramos o Dia do Cinema Brasileiro e nada melhor do que celebrar esse dia assistindo filmes que marcaram a cinematografia nacional, não é?

Mas antes, você sabe porque comemoramos essa data? Bom, este dia é celebrado em homenagem às primeiras imagens em movimento registradas em território nacional, que foi a entrada da Baía de Guanabara (RJ) por Afonso Segreto em 1898. Graças a isso pudemos registrar a nossa história, avanços tecnológicos, cultura, política e passos importantes do nosso país.

Agora, separamos os principais filmes brasileiros que seguem encantando todos à vários anos.

– “Central do Brasil” (1998)

Um dos maiores marcos do cinema brasileiro, “Central do Brasil” narra a trajetória de Dora, protagonizada por Fernanda Montenegro, uma ex-professora que ganha a vida escrevendo cartas para pessoas analfabetas. No entanto, ela nunca coloca as mensagens no correio, apenas embolsando o dinheiro para si. Um dia, Josué, o filho de nove anos de uma de suas clientes, fica sozinho após a morte da mãe em um acidente de ônibus. Como o único contato próximo do menino, Dora reluta, mas se junta a ele em uma viagem pelo interior do Nordeste em busca do pai do garoto.

– “Cidade de Deus” (2002)

Na obra dirigida por Fernando Meirelles e Kátia Lund, a narrativa acompanha a trajetória de Buscapé, um jovem pobre e negro que vive na favela carioca de Cidade de Deus e descobre ter talento como fotógrafo. É por meio de seu olhar, por trás das câmeras, que o cotidiano da comunidade, inclusive a rotina de violência, é apresentado ao telespectador.

– “O Auto da Compadecida” (2000)

A adaptação cinematográfica da peça do escritor Ariano Suassuna foi criada, inicialmente, como uma minissérie de quatro capítulos para a televisão aberta. No entanto, com o sucesso da obra, a Globo Filmes decidiu investir no primeiro longa de sua história e lançar a versão para o cinema. A comédia mostra as aventuras de João Grilo (Matheus Nachtergaele) e Chicó (Selton Mello), dois nordestinos que vivem de golpes para sobreviver. Tudo muda com a aparição de Nossa Senhora (Fernanda Montenegro) na vida dos amigos.

– “Bacurau” (2019)

Título mais recente da lista, a obra conta a história dos moradores de Bacurau, uma pequena comunidade do sertão brasileiro que some de todos os mapas do país. Como se isso não fosse estranho o bastante, eles ainda percebem a presença de drones sobrevoando a cidade e cadáveres aparecendo pelas ruas. Mais do que nunca, precisam agir para reconhecer o inimigo e criar um plano de defesa.